top of page

América encara o São Luiz na Arena das Dunas

Goleiro Renan Bragança vem sendo um dos destaques do América na temporada, atleta demostra liderança e segurança ao grupo - Foto: Edmário Oliveira


Depois de emplacar dois bons resultados e relaxar diante do Baraúnas, na estreia do segundo turno do Campeonato Potiguar, o América recebeu uma mensagem de alerta do treinador Marquinhos Santos. O comandante alvirrubro não deseja ver o grupo relaxar depois de obter os dois primeiros objetivos na temporada (conquistar o primeiro turno do Estadual e chegar na segunda fase da Copa do Brasil). Hoje a equipe luta por um objetivo maior, que é avançar para terceira fase da competição nacional e garantir mais R$ 2,2 milhões de premiação para os cofres do clube. O adversário será o São Luiz-RS, na Arena das Dunas, em partida com o início marcado para às 21h30.


Dessa vez a intenção de Marquinhos Santos é mandar a força máxima para campo, uma vez que nos últimos dois compromissos do clube, alguns atletas que vinham num ritmo mais forte, tiveram de ser poupados para prevenir possíveis contusões. O comandante americano acredita até que a série de jogos decisivos que o clube terá pela frente, contribuiu para o relaxamento apresentado contra o Baraúnas, uma vez que nenhum atleta gosta de ficar fora de partidas consideradas importantes.


Com isso, ele espera um melhor rendimento da equipe potiguar, que terá pela frente um adversário perigoso e que ele disse conhecer bem o trabalho que vem sendo desenvolvido. O novo alerta é que não poderá faltar atitude para equipe, que estará jogando em casa e terá de buscar a vitória desde o primeiro minuto.


“Não podemos de forma alguma gerar um clima de terra arrasada pelo que ocorreu com a equipe na estreia do segundo turno do Estadual, contra o Baraúnas. Nós já temos a vaga na final garantida, mas lógico que temos de jogar com pensamento de buscar o título do segundo turno também. Quem for ver a rodada, verá que ela foi bastante equilibrada. Mas volto a ressaltar, nosso grupo não pode navegar nessa onda de relaxamento, temos de nos manter atentos e acelerar a passada e evoluir para o longo da temporada”, disse.


MomentoEmbora se mostre satisfeito com a caminhada da equipe americana, o comandante alvirrubro vem trabalhando bastante e cobrando melhoria nas finalizações, assim como o nível de armações de jogadas no último terço do campo. Dos três setores do time, o que mais evoluiu até o momento foi o defensivo. ele acredita que o problema maior esteja no momento de se tomar as decisões e continuará trabalhando essa parte e esperando a chegada de mais alguns reforços, no sentido de calibrar melhor a linha ofensiva americana.


“Enquanto os reforços não chegam, vamos continuar com o grupo que temos em mão e acredito que diante do São Luiz eles devam mostrar alguma evolução neste sentido, porque nós precisamos vencer. A classificação irá colocar o América entre as 32 melhores equipes do Brasil. O jogo será difícil, o São Luiz mostrou ter um grupo bem competitivo e de muita força na marcação, situação característica do futebol gaúcho, eles estiveram muito bem quando enfrentaram o Grêmio e o Internacional e iremos necessitar da força do nosso torcedor no estádio”, ressaltou Santos.


Essa será a segunda vez que os clube vão se enfrentar pela Copa do Brasil, o primeiro encontro ocorreu na temporada de 2020, quando os potiguares foram até o Rio Grande do Sul, segurou o empate sem abertura de placar e carimbou a vaga para terceira fase da competição.


Para aqueles que pensam que terão um adversário fraco pela frente, vale salientar que a equipe de Ijuí chegou na segunda fase após eliminar o Ituano-SP. Mas a conquista não pode ser encarada como obra do acaso. Na última temporada, o clube também conseguiu atingir o segundo mata-mata da Copa do Brasil, superando o Juventude por 1 a 0 no duelo caseiro, porém acabou sendo eliminado na sequência pelo Remo, derrotado por 2 a 1, no estádio Mangueirão.



Tribuna do Norte.

8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page