top of page

América segura o ABC e vence o primeiro jogo da final do estadual


Foto: Adriano Abreu


Frente a um adversário completamente desfigurado e quem mal conseguiu atacar, o América bateu o ABC por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, na Arena das Dunas, e está a um empate de reconquistar o título do Campeonato Potiguar. O único gol do primeiro clássico decisivo foi de Gabriel Silva, tirando proveito de um presente dado pelo goleiro Simão, aos 18 minutos do segundo tempo. A noite só não foi melhor para os alvirrubros pelo fato deles terem perdido Wallace Pernambucano, expulso, após agredir o zagueiro Habraão com uma cotovelada. as duas equipes voltam a se encontrar no próximo dia 17, no jogo da volta, no Frasqueirão.


A partida tinha vários significados para o América, que necessitava de um resultado positivo para abrir vantagem na decisão, atuando em casa, que buscava a primeira vitória num jogo considerado grande na temporada e que buscava bater o maior rival pela primeira vez no ano. Assim a equipe comandada por Thiago Carvalho se lançou ao ataque no princípio da partida e deu sustos na remendada defesa alvinegra.


A primeira metade da etapa inicial foi completamente favorável ao Alvirrubro, que era bem mais presente no ataque, mas pecando nas finalizações das jogadas. Por sua vez, o ABC ficou resumido às arrancadas de Fábio Lima e Felipe Garcia, que, presos na boa marcação americana, produziam muito pouco e o time mal conseguia pisar na área do adversário.

Embora melhor em campo, o time americano estava longe de parecer uma equipe insinuante, mostrando que o treinador ainda terá muito trabalho para dar uma nova cara ao grupo, que peca em erros primários e acaba estragando jogadas que pareciam perigosas.


E assim o tempo foi passando e nada de produtivo mais foi apresentado pelas duas equipes, que chegaram na decisão do Campeonato Estadual, enfrentando os piores momentos na temporada, apagando um pouco do glamour do clássico decisivo. A atuação bisonha do Alvinegro, até certo ponto pode ser explicada pelo fato de o treinador Fernando Marchiori ter mandado a campo, aquilo que dispunha do elenco, que foi bastante modificado e basicamente não atuou junto ainda. Mas ainda assim, defensivamente, o grupo conseguiu se sair bem.

A primeira vez que os atacante alvirrubros conseguiram dar trabalho a Simão, foi aos 5 minutos da segunda etapa,quando numa boa construção ofensiva, Iago recebeu de Wallace Pernambucano e bateu, da entrada da área, para o arqueiro abecedista fazer a primeira boa defesa no jogo.

A defesa que vinha se destacando no clássico, acabou se complicando numa saida de bola, em que Simão entregou a bola nos pés de Gabriel Silva, depois de receber a pressão de Wallace Pernambucano. O jogador recebeu o presente e teve tranquilidade para empurrar a bola para o fundo da rede e fazer 1 a 0, aos 18 minutos.


Para quem foi a campo com a clara intenção de segurar o empate, o gol foi um choque, uma vez que a equipe montada por Marchiori não apresentava poder ofensivo nenhum e se resumia apenas a destruir as jogadas e acalmar o ímpeto alvirrubro. O primeiro chute da equipe em busca do gol adversário ocorreu aos 26, mesmo assim passou longe de assustar o goleiro Ewerton.


Aos 35 minutos, Wallace Pernambucano complicou a situação da equipe americana, no jogo e no restante da decisão, ao agredir o zagueiro Habraão com uma cotovelada e receber cartão vermelho. No confronto do dia 17 o atacante terá de cumprir suspensão automática e não estará em campo. Após ficar em vantagem em número de atletas em campo, Marchiori fez duas alterações colocando em campo os atacantes Lucas Tocantins e Thonny Anderson para ver se dava algum poder ofensivo a sua equipe.


As alterações surtiram efeito e o ABC começou a se fazer presente na área alvirrubra. Thonny acertou o primeiro chute na direção do gol, aos 45 minutos, colocando Ewerton para trabalhar. Mas era pouco para um clube que busca seu 58 título potiguar.


Entrincheirado e com pouco tempo para segurar o resultado, os americanos se fecharam na defesa e deram de presente ao treinador Thiago Carvalho a primeira vitória da nova gestão.

13 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page