top of page

Capitã Gabi reforça seleção na 3ª fase da Liga das Nações

A seleção brasileira ocupa somente o quinto lugar da Liga das Nações, com seis vitórias em oito jogos. Mas o técnico José Roberto Guimarães terá um reforço de peso para a terceira fase da competição, na Tailândia: a capitã Gabi está de volta à equipe após ser preservada nas etapas anteriores.

Será a estreia de Gabi na temporada com a camisa da seleção brasileira. Depois de conquistar o título da Liga dos Campeões da Europa com o turco Vakifbank, ela mostrou que não sente mais problemas físicos e está pronta para ajudar o País a se garantir entre os oito melhores da Liga das Nações que disputarão a fase final, nos Estados Unidos.


Jogo marca a estreia de Gabi na atual temporada com a camisa da seleção brasileira / CBV


"Estou muito feliz de voltar para essa terceira semana. Estou me sentindo muito melhor, voltei a saltar", afirmou. "Na estreia desta etapa vamos enfrentar a Itália. Sabemos da força física delas. Mesmo sem contar com a Egonu (oposta), elas têm jogado com velocidade e feito bons jogos. Vamos precisar de volume de jogo e agressividade no saque", avaliou.

O primeiro desafio da semana ocorre nesta quarta-feira, às 10h30 de Brasília, contra a Itália. O Brasil ainda enfrentará Canadá (quinta-feira, às 7h), Turquia (10h30 de sexta) e as donas da casa (domingo, também às 10h30).


"Trago essa bagagem da temporada no clube para a seleção. Esse ano temos o Pré-Olímpico, que é o nosso grande objetivo. É muito bom estar de volta. A Liga das Nações tem uma grande importância, ainda mais pensando no ranking mundial, e como preparação para o classificatório olímpico", concluiu Gabi.


Zé Roberto chamou 14 jogadoras para a etapa da Tailândia da Liga das Nações: as levantadoras Macris e Roberta, a oposta Lorrayna, a oposta/ponteira Rosamaria, as ponteiras Gabi, Julia Bergmann, Maiara Basso e Pri Daroit, as centrais Carol, Diana, Lorena e Thaisa, e as líberos Natinha e Nyeme.




8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page