top of page

Depois de mais um jogo sem vitória, ABC está sob risco de eliminação

Marquinhos Santos e Marcelo Cabo se reencontram e voltarão a travar uma luta de estratégias - Foto: Adriano Abreu


O empate no clássico contra o América, novamente por 0 a 0, além de registrar a marca de nove jogos sem vitória, complicou a situação do ABC na briga por uma vaga na semifinal do segundo turno do Campeonato Potiguar. A equipe, com três pontos ganhos, está quatro pontos atrás do Potiguar, líder do grupo B, e dois do Baraúnas, com quatro, e que acumula uma vitória e um empate. Como não vai existir confronto direto entre os clubes do mesmo grupo, os natalenses vão depender de tropeços dos mossoroenses para seguirem vivos na competição.


A situação do América no grupo A é diferente, pois com os mesmos dois pontos que o rival, o Alvirrubro ocupa a segunda colocação e se manteve na zona de classificação para semifinal, dependendo apenas de seus próprios resultados para conquistar também o título do returno e se sagrar campeão direto do Estadual de 2024.


O novo treinador Marcelo Cabo vai conseguindo implementar pequenas melhorias na equipe, mas os resultados não ajudam e a falta de recursos prejudica a ação alvinegra no mercado atrás de novos reforços.Procurando agir com tranquilidade, o novo comandante sabe que só o que pode mudar o atual clima dentro do clube é a conquista dos três pontos. O curioso dentro do jejum abecedista é que da mesma forma que está há muito tempo sem vencer, ele também se encontra há muito tempo sem perder.


Uma pequena pesquisa realizada na relação de confrontos, mostra que a última vitória conquistada pelo grupo ocorreu no dia 7 de fevereiro, diante do Potiguar de Mossoró, no Frasqueirão, em jogo válido pelo primeiro turno. Já a última derrota foi no sábado de carnaval, 3 a 0, diante do Vitória, no Estádio Barradão. A partida foi válida pela segunda rodada da Copa do Nordeste.


Desde então foram registrados oito empates consecutivos, sendo que ele levou a pior nos pênaltis, tanto na disputa do título do primeiro turno do Campeonato Potiguar, quanto diante do Brusque pela Copa do Brasil, após o empate por 1 a 1. Fatores que deram mais peso às cobranças que vêm sendo realizadas pelos torcedores.


É dentro deste contexto que Marcelo Cabo voltará a enfrentar o América, na Arena das Dunas, nesta quarta-feira, onde só a vitória interessa para os dois clubes que, em caso de empate, estarão praticamente dando adeus às chances de classificação para a segunda fase da Copa do Nordeste. O treinador disse que é o momento de continuar mostrando tranquilidade, para que a equipe tenha forças para inverter o atual quadro. Ele está convicto que uma vitória no clássico vai fazer virar a chave do grupo em relação a torcida.


No lado Americano, o treinador Marquinhos Santos acredita que o esforço realizado na vitória sobre o São Luiz-RS, pela Copa do Brasil, acabou interferindo negativamente no preparo físico do grupo alvirrubro no clássico. Ele elogiou a valentia dos atletas que estão com uma mentalidade vencedora e souberam jogar o clássico.


Marquinhos lembra, que ao contrário do clássico pelo Estadual, o desta quarta-feira será disputado com papéis invertidos, com o América necessitando mais da vitória para entrar na briga direta pelo G-4 no grupo B. Logo, o treinador antecipa que a estratégia da equipe será diferente para tentar superar o adversário.



Tribuna do Norte.

10 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page