top of page

Fátima Bezerra (PT) é empossada para segundo mandato como governadora do Rio Grande do Norte

Após cerimônia na Assembleia Legislativa do RN, governadora viaja para Brasília, onde acompanha a posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.


Fátima Bezerra (PT) toma posse do segundo mandato como governadora do Rio Grande do Norte — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi


Reeleita em 2022, a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), foi empossada em sessão solene realizada na manhã deste domingo (1º), na Assembleia Legislativa do RN, em Natal. O vice-governador eleito, Walter Alves, também foi empossado.


Durante entrevista, a governadora destacou que a nova gestão vai priorizar a "promoção do desenvolvimento, com geração de emprego, combate à fome e o fortalecimento das políticas sociais".

"Fico muito feliz em tomar posse como governadora no mesmo dia em que Lula será empossado presidente. Isso nos dá confiança de fazer um governo muito melhor que o primeiro. Muito trabalhamos nos últimos quatro anos, mas fatores históricos, hostilidade política e prioridades inadiáveis fizeram com que nosso esforço não fosse inteiramente premiado", destacou em pronunciamento oficial.

Fátima Bezerra foi eleita para o segundo mandato com 58,31% dos votos válidos (1.066.314 votos), no pleito passado.



Governadora Fátima Bezerra (PT) e o o vice-governador eleito, Walter Alves, são empossados — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi


A governadora foi recepcionada na Assembleia Legislativa pela Banda da Polícia Militar e pela Guarda de Honra dos Dragões da Independência, por volta das 9h.


A cerimônia teve início às 9h30, com a composição da mesa, seguida da declaração de posse nos cargos, leitura do compromisso e pronunciamento da governadora.



Governadora Fátima Bezerra é recepcionada pela Banda da Polícia Militar — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi


Fátima iniciou o discurso lembrando que chegou ao governo "em uma situação gravíssima, mergulhado na mais grave crise fiscal, financeira e orçamentária da sua história", e que, quatro anos depois, o Estado "voltou a ter credibilidade e organizou suas contas; respeita, valoriza e investe nos serviços e servidores públicos; ampliou a cidadania e a valorização das minorias".


Também destacou que é preciso "corrigir o que deve ser corrigido e avançar no que está dando certo, para consolidar as conquistas populares".


"Seguiremos comprometidos com o equilíbrio fiscal das receitas e despesas do Estado, premissa indispensável para que outras conquistas possam ser celebradas", ressaltou.


Fátima Bezerra e Walter Alves recebem bandeira do Rio Grande do Norte das mãos do presidente da ALRN, Ezequiel Ferreira — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi





Por g1 RN


1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page