top of page

Lula chega para velório de Pelé em seu primeiro compromisso oficial fora de Brasília

Presidente chegou a Santos de helicóptero e desembarcou no estádio da Portuguesa Santista, a 500 metros da Vila Belmiro, onde é velado o corpo de Pelé.


Comitiva de Lula sai da Portuguesa Santista, em Santos, rumo a Vila Belmiro — Foto: Bruno Lima


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) chegou, na manhã desta terça-feira (3), a cidade de Santos para o encerramento do velório de Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, que ocorre ininterruptamente desde às 10h de segunda-feira (2).


Um esquema bastante diferente do utilizado por outras autoridades foi montado para a chegada do presidente com o auxílio do Santos Futebol Clube. Para chegar a Vila Belmiro, Lula utilizou um helicóptero junto com sua comitiva.

Para evitar uma grande mobilização em sua chegada, o presidente da república desceu em Ulrico Mursa, estádio da Portuguesa Santista, que fica a cerca de 500 metros da Vila Belmiro, e seguiu de carro, em um trajeto de dois minutos, até o estádio do Peixe.



Lula chega de helicóptero para o velório de Pelé — Foto: Reprodução / SporTV


Por ser um grande fã de Pelé, a presença de Lula era dada como certa pela equipe do cerimonial do Santos. A expectativa, inclusive, é que ele aparecesse no primeiro dia de velório, o que foi descartado após a divulgação de uma agenda de conversas com autoridades de vários Países.


Por conta da presença e, também, da segurança do presidente, a equipe do Santos optou por desmontar a 'zona mista', onde as autoridades conversam com jornalistas, para a chegada de Lula. Ainda não há informações se ele irá acompanhar o sepultamento de Pelé.


Na tarde de segunda-feira, Lula já havia enviado uma coroa de flores para homenagear o Rei do Futebol. "Nossa sincera homenagem ao grande brasileiro, nosso rei Pelé. Presidente Lula e Janja Lula da Silva", dizia a faixa colocada no arranjo.


Homenagens de Lula

Antes da cerimônia de posse de Lula como presidente, no último domingo (1), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), pediu um minuto de silêncio como forma de homenagear todo o legado construído pelo Rei do Futebol.


Lula é um grande entusiasta do futebol de Pelé. Por conta da morte, ele o homenageou nas redes sociais. "Eu tive o privilégio que os brasileiros mais jovens não tiveram: eu vi o Pelé jogar, ao vivo, no Pacaembu e no Morumbi. Jogar, não. Eu vi o Pelé dar show. Porque quando pegava na bola ele sempre fazia algo especial, que mutias vezes acabava em gol", disse.


"Pelé nos deixou hoje. Foi fazer tabelinha no céu com Coutinho, seu grande parceiro no Santos. Tem agora a companhia de tantos craques eternos: Didi, Garrincha, Nilton Santos, Sócrates, Maradona... Deixou uma certeza: nunca houve um camisa 10 como ele. Obrigado, Pelé", completou.


Fãs e torcedores chegam ao velório do Rei Pelé na manhã desta terça-feira (3) em Santos, no litoral de São Paulo. — Foto: Ted Sartori/ g1




Por g1

7 visualizações0 comentário
bottom of page