top of page

Programa “Planta Natal” cumpre meta de 20 mil mudas plantadas


Árvore de número 20 mil foi um Ipê Branco, cultivado no Espaço Natal Sustentável e plantado na Escola Municipal Vera Lúcia de Barros, no bairro Pajuçara - Foto: MANOEL BARBOSA / PREFEITURA DO NATAL



A maior ação de recomposição arbórea implementada por uma gestão pública em Natal atingiu a sua meta. O programa Planta Natal, iniciativa criada pela Prefeitura, alcançou a marca de 20 mil mudas de árvores nativas plantadas em todas as regiões da cidade, antecipando o prazo estabelecido pela coordenação do programa para atingir esse número, que seria no final deste ano. A árvore de número 20 mil foi um Ipê Branco, cultivado no Espaço Natal Sustentável e plantado na Escola Municipal Vera Lúcia de Barros, no Pajuçara.


“Não temos como mensurar o ganho para a cidade com o plantio dessas 20 mil novas mudas de árvores nativas. Alcançar a meta estabelecida quando lançamos o programa é muito significativo e demonstra o compromisso da nossa gestão com o meio ambiente e o bem-estar dos natalenses”, celebrou o prefeito Álvaro Dias.


Para o prefeito, são inúmeros os benefícios gerados com a ampliação das áreas verdes em toda Natal. “Estamos deixando um legado para a atual e as futuras gerações de muito respeito e cuidado com o meio ambiente. Ao ampliarmos o número de árvores na nossa cidade, contribuímos para um maior conforto térmico, com mais sombra, amenizando a poluição, melhorando a qualidade do ar, bem como promovendo ganhos estéticos, o aumento da diversidade vegetal nos espaços públicos e de mais qualidade de vida”, aponta Álvaro.


Ao longo do processo de plantio, a cidade ganhou novas mudas de espécies como: iti, Craibeira, Tamboril, Aroeira Vermelha, Ipê amarelo, Ipê branco, Ipê roxo/rosa, Pau ferro, Mororó, Sapucaia, Jatobá, Cajueiro, Sabão de Soldado, Ubaia, Pata de Vaca, Urucum, Araticum, Murici da Praia, Mangabeira e Pitanga. O Planta Natal conta com o envolvimento das Secretarias de Governo, Comunicação Social, Educação, Meio Ambiente e Urbanismo, Serviços Urbanos, Urbana e UFRN.


Coordenadora do Planta Natal e secretaria executiva de Concessões e Parcerias Público Privadas do Município, Danielle Mafra, destaca o engajamento de toda a sociedade, segundo ela, fundamental para o alcance das 20 mil mudas plantadas. “Contamos com uma adesão imensa de diversas entidades, empresas, órgãos públicos, Forças armadas e demais segmentos da sociedade civil organizada, que entenderam a nobreza e a importância da causa, a abraçaram e contribuíram para atingirmos essa meta ambiciosa determinada pelo prefeito Álvaro Dias. Essa é uma conquista de toda Natal e merece ser muito celebrada, pois estamos falando de um impacto positivo para a cidade, como também para a saúde da população”, observa a coordenadora.


Compensações ambientais do PDN favorecem arborização


A revisão do Plano Diretor trouxe uma nova dinâmica e ajudou a intensificar as ações de plantio do programa com a adoção da estratégia das compensações ambientais executadas em parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb).


A compensação ambiental funciona da seguinte forma: antes, ao executar uma obra que tinha a necessidade de uma supressão vegetal, o contribuinte deveria fazer o plantio em outra área e ficaria obrigado a supervisioná-la por dois anos. Como existe uma dificuldade para fiscalizar essa prática, a Semurb permite agora que seja feita uma compensação financeira e, caso o cidadão opte, ele pode destinar esses recursos para o Planta Natal.


“Os materiais, ferramentas e insumos utilizados no preparo das mudas e ações de plantio são fornecidos por meio de compensações ambientais das empresas que têm os alvarás aprovados pelo Município. Essa parceria entre a gestão pública e a iniciativa privada é o caminho mais viável para que essas ações aconteçam e se perpetuem”, ressalta o prefeito Álvaro Dias.


Agora RN.

5 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page