Técnico do ABC prevê reta final complicada para classificação do alvinegro


Foto - Rennê Carvalho


O treinador Fernando Marchiori não tem dúvida, apesar de sofrida a vitória do ABC sobre o Floresta, ocorreu em boa hora e vai dar uma injeção de ânimo ao elenco na reta final da fase de classificação. O clube voltará a campo no próximo domingo, às 16 horas, para encarar o Vitória, no estádio Barradão, em Salvador-BA. Com o novo salto na tabela promovido pela conquista do resultado positivo, um empate na casa do adversário, pode credenciar o Alvinegro a passar para fase onde ele irá definir o acesso para Série B do próximo ano. Segundo o site de estatísticas Chance de Gol, hoje a probabilidade de o clube potiguar avançar chega a 89,9%.


Embora vá enfrentar um adversário que abre a segunda parte da tabela de classificação, o Vitória é o 11º colocado, Marchiori não pensa em jogo fácil. Muito pelo contrário, o comandante abecedista espera três confrontos dos mais complicados nas próximas rodadas, por isso pretende logo bater a marca dos 30 pontos para se tranquilizar na competição.

“Os jogos que restam serão todos pedreiras, todas as equipes estão lutando por alguma coisa e os nossos adversários estão na briga para chegar ou se manter dentro do G-8, o que deve dificultar muito as partidas. Nesse tipo de jogo a forma que você se alimenta, treina durante a semana e dorme, todos os detalhes podem pesar favoravelmente. O desgaste mental e físico a essa altura da competição é gigantesco e teremos de nos preparar a cada dia melhor para poder enfrentar essas dificuldades”, alertou.


A partida pode marcar o retorno do capitão Allan Dias a lista de atletas relacionados para o jogo. Tendo cumprido todas as determinações médicas e dos fisioterapeutas no processo de recuperação da grave lesão no tornozelo, o camisa dez abecedista não esconde o desejo de voltar a campo, mas salienta que irá realizar tudo de forma cuidadosa, com a finalidade de não correr risco de uma recidiva. Por sua vez, Marchiori ressalta a importância de contar com boas opções neste momento decisivo.

"O importante é ter elenco, todos aqui tem a sua importância. Muitas vezes um jogador fica fora, mas pode ser a peça fundamental dentro de uma estratégia que estaremos usando na tentativa de vencer a partida. Contra o Floresta tivemos a infelicidade de realizar quatro trocas por necessidade, tirar de campo os atletas que estavam incomodados por algum problema. Ter elenco é importante porque aquele que entrar tem a obrigação de manter o ritmo da equipe e quando trocamos, estamos sempre pensando em manter um bom desempenho da equipe", afirmou.


Apesar de o ABC não ter realizado uma grande apresentação na vitória sobre o Floresta, para o treinador o fato de passar cinco rodadas sem vencer e vir de uma derrota, gerou uma espécie de aflição no grupo, que se mostrava ávido por dar uma boa resposta e acabou se atrapalhando em algumas situações.


"A ansiedade fez o ABC errar muito no início do jogo. No segundo tempo fez uma atuação mais segura. O clima e a energia do Frasqueirão são fantásticos. O campeonato é muito equilibrado e difícil, a situação pela qual passamos faz a equipe variar mesmo. Mas a vitória serviu para o grupo retomar a confiança”, destacou Fernando Marchiori.


Tribuna do Norte

14 visualizações0 comentário